Não te assusta com a sombra, faz parte de nós...


...há belezas não descobertas no obscuro, olhe e veja!

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

Eu mereço muito mais

Sabe quando tu te sente pequeno para determinado local ou grupo de pessoas?
Quando parece que esse n é teu lugar, pq ninguém consegue olhar p baixo, p ti??
Que ninguém consegue reconhecer o que tu és, ou fazes, pq tu n tens significância alguma??
E tudo se torna tão graaaaande.....
Até Caxias e seus caxienses se tornam graaaaaaaandes, e espertos, e um povo acolhedor....
É já passei por essa fase!!

Tive grandes baixos, terríveis baixos, anos imensuráveis de baixos mais imensuráveis ainda.Dificuldades, ódios, odiações, raiva, medo, querer sumir o quanto antes.....

Vem a fase do tratamento

A do auto-conhecimento

A da cura!!

E como tudo na vida é um ciclo, que reinicia do mesmo lugar, mas nunca vai para o mesmo caminho, inicia uma nova fase:

Continuo tendo certeza de que aqui n é o meu lugar.
As pessoas n me entendem, n me enxergam como eu sou, mas agora sei que é pq são eles os pequenos, e não eu.
Não me enxergam pq são incapazes de olhar p cima ou para além de seus umbigos, em determinados casos,pq ainda têm mentalidade de colégio e precisam de um grupo de pessoas que sejam todas iguais, em tudo!
O que é diferente amedronta, e quando o diferente é bom então... nossa!!Não que eu seja o supra-sumo, o gás da coca, não de jeito algum, n me acho melhor que outrem, simplesmente sei das minhas capacidades, assim como das incapacidades, e sei que isso daqui e certas pessoas, já se tornaram muito pouco para a pessoa que hoje sou!



Eu quero mais pra mim;
Eu mereço mais!

sábado, 10 de novembro de 2007

Há quanto tempo naum?!

Poizé, faz um tempão que eu n posto nada.
As vezes por preguiça, as vezes por achar que vou falar demais, ou por não saber escrever bem, minhas redações sempre foram tirrívis!!

Mas sei lá tb, ninguém lê mto isso aqui mesmo....

Ai que coisa, odeio qdo isso acontece, sabe qdo tu sentes um turbilhão de coisas juntas e n consegue definir nenhuma?Nem sobre o que é, nem mto menos se é bom ou ruim?

To cheia de perguntas p mim mesma, sobre mim mesma;
Sobre a porcaria que certas pessoas fazem com as outras;
Sobre pra onde vai esse mundão;
Sobre se um dia eu ainda vou sentir algo de novo, se vou me desbloquear....


Sim né, pq a única diferença entre a velha louca dos gatos dos Simpsons, é que eu n sou velha, nem sou um desenho, mas de resto....

Já me vejo, num casarão enoooooooooooorme, com uns 500 gatos e 300 cuscos de rua, toda descabelada,com música alta o dia todo, conversando com os animais e com o rádio e solteirona!

Hahahahhahahahahha

Mas... se até a Halle Barry teve 2 divórcios e casou só com quase 40, isso me dá ainda uns 15 anos....

E até lá: FESTAAA!
VALETAAAA!

PS.:Já tenho 5 gatos! =]

quinta-feira, 20 de setembro de 2007

I'm faded to doom, and doomed to fade away

Sabe, às vezes eu fico pensando em coisas bonitas, do estilo coelhinhos fofinhos, gatitos, cãezinhos, flores perfumadas e coloridas....
Noutras penso em amizade, família, carinho, sorrisos, amor.... Aaaah, o AMOOOOR!!


Pfffffffffffff!

Baita lorota da natureza p faze a gente trepa e procriar!(Li isso em algum lugar e n lembro onde, mas gostei =D).

Será pecado odiar o amor???
Será pecado não achar que a família é a base de tudo e devemos tudo a ela???
Será pecado preferir animais a pessoas???
Ficar enojada ao ver casais felizes e amorosos???
Não suportar melação entre as pessoas e palavrinhas meigas do estilo: “Ai meu bebezinho”, “vc é tudo p mim”, sem vc naum vivo”??? Ah toma no cú!!
Vive sim porra, e capaz de viver bem melhor!!!
Será que isso me torna uma pessoa amarga e insuportável???
Dessas que afasta as pessoas???
Bem, já me falaram que eu tenho o dom de afastar as pessoas (leia-se homens), que chega um momento no qual eu começo a ser tenebrosamente insuportável, irritante, chata, grossa e pateadora (mais que o normal).Que chego a tirar o tesão do cara!!
É, eu sei, eu sei que eu faço isso!!!
E sei mto bem o pq!
Pq eu NÃO QUERO AMAR!!!!
NÃO VALE A PENA!!
Pra que?P se ferrar daqui a pouco?Se decepcionar???
EU FORAAA!!!
Até pq, n há algum capaz de me amar da maneira que eu sou, lhes falta coragem, para me entender, decifrar, e esperar que um dia, TALVEZ, com muita paciência eu pense em me abrir!!
ODEIO quem inventou a frase: “Melhor ter e ter perdido, que nunca ter tido!!”
Se fudê!So mto mais: “Melhor nunca ter tido, do que ter perdido!”
Quando se tem e se perde, se sente falta!!!

É.... sempre achei que havia nascido para ser sozinha... e agora mais que nunca, percebo que é verdade!

Eu penso sim, em coisas bonitas, do estilo coelhinhos fofinhos, gatitos, cãezinhos, flores perfumadas e coloridas, amizade.....
Mas amor???
Nah, não é pra mim, nah naum, naum é p mim!

Se tudo isso é pecado, estou condenada, fazer o que, junkie lifestyle, tem seu preço....

No inferno...abraça o capeta!!

=]

terça-feira, 14 de agosto de 2007

Britney Spears??

Siiiim, pq essa música explica exatamente como penso, e me sinto....




People can take everything away from you

But they can never take away your truth
But the question is. . .
Can you handle mine?

They say I’m crazy
I really don’t care
That’s my prerogative
They say I’m nasty
But I don’t give a damn
Gettin’ boys is how I live
Some ask me questions
Why am I so real?
But they don’t understand me
I really don’t know the deal about my sister
Tryin’ hard to make it right
Not long ago before I won this fight

Everybody’s talkin’ all this stuff about me
Why don’t they just let me live? (Tell me why)
I don’t need permission, make my own decisions (OH!)
That’s my prerogative

That’s my prerogative

(It’s my prerogative)
It’s the way that I wanna live
(It’s my prerogative)
They can’t tell me what to do

Don’t get me wrong
I’m really not souped
Ego trips is not my thing
All these strange relationships
Will get me down
I see nothin’ wrong spreadin’ myself around

Everybody’s talkin’ all this stuff about me
Why don’t they just let me live? (Tell me why)
I don’t need permission, make my own decisions (OH!)
That’s my prerogative

Everybody’s talkin’ all this stuff about me
Why don’t they just let me live? (Tell me why)
I don’t need permission, make my own decisions (OH!)
That’s my perrogative

It’s the way that I wanna live
(It’s my perrogative)
You can’t tell me what to do

Why can’t I try to live my life
Without worry bout the things that people say?
Oh oh. . . (OH!)

Everybody’s talkin’ all this stuff about me
Why don’t they just let me live? (Tell me why)
I don’t need permission, make my own decisions (OH!)
That’s my prerogative

(They say I’m crazy)
Everybody’s talkin’ all this stuff about me
Why don’t they just let me live? (Tell me why)
(They say I’m nasty)
I don’t need permission, make my own decisions (OH!)
That’s my prerogative

(It’s my prerogative)

terça-feira, 31 de julho de 2007

Uh-lá-lá.....



Sem comentários, Lenore ruleia!

Aaaaaaaaarrrrrrrrrrrrrrrrrgh

Tá, deu, chega de me azucrinarem!!

Eu sou eu, e respeito isso.
Respeito todo mundo ao meu redor, dá p fazer o favor de respeitar tb??
Cadum é cadum e ninguém reage da mesma forma a nada!!
Não julgue, não me julgue, odeio isso, não diga o que está em minha mente, nem eu sei!
Apenas me aceite como sou, ou simplesmente vá a merda....

Assim, me confundo, me perco mais ainda.
Não é pq eu falo que eu espero uma opinião, se eu a quiser, eu a pedirei!!

Eu respeito, eu aceito, posso n concordar ou gostar, mas aceito; não julgo NADA, nem NINGUÉM, portanto não venha me julgar, e tentar adivinhar as coisas!


Olha p poste na tua cara e não p cisco no meu olho!

domingo, 29 de julho de 2007

Carta do Dia: O Ceifador

"A importância de deixar ir

Cultivar o desapego é um dos conselhos fundamentais dado pelo arcano chamado "O Ceifador", Vitória. Existem momentos da vida em que somos desafiados a perder cascas, a compreender a importância de caminhar, deixando paisagens para trás. Ainda que isso doa, uma vez que nosso ego se estrutura a partir de apegos e identificações, é a compreensão meditativa de que tudo passa que lhe permitirá seguir caminhando e, enfim, abrir-se ao novo que belamente se introduz em sua vida, pouco a pouco, passo a passo, até que você apareça com a alma totalmente renovada. Procure se interiorizar neste momento, evitando grandes atividades sociais. Faça este contato com o núcleo da sua alma e você entenderá quais são as coisas que precisam ser deixadas para trás.

Conselho: Viver é perder cascas continuamente!"


Depois de uma festa mto tri, em que um gay mto fofo dançou comigo, interpretou I Will Survive comigo, e me tascou uma bitoca; uma moça tentou me agarrar antes de capotar no palco.... hj de manhã eu fiz algo que havia jurado que jamais faria novamente, apenas qdo eu tivesse certeza da reciprocidade: EU ME DECLAREI!
Siiiiiiiiiiim, eu me passei a perna, mais uma vez, e disse tuuuuuuuuuuudo aquilo que eu sinto!!E a reciprocidade?Mah vo sabe eu lá de reciprocidade!!!
Na hora eu não pensei, só sei que senti uma necessidade imensa de despejar tudo, assim, de uma vez só, rápido,feliz, alegre, espontânea!
Não me lembro mto bem da reação, sequelas de uma valeta..., mas definitivamente houve uma reação!Sim, houve, sempre há!Aliás, talvez a reação tenha vindo antes mesmo da minha ação, que na realidade foi uma re-reação!
Alguéns me disseram p mudar de táctica, que eu tb precisava fazer algo p coisas acontecerem, bem, na noite eu fiz, e realmente aconteceram.... não sei pq não fiz isso antes ¬¬
Ah, sei sim, meu MEDO PAVOROSO de relacionamentos!!
E foi fluindo, assim, naturalmente, e hj de manhã: PLOF!Falei tudooo!!
E eu não tremi, não gaguejei, balbuciei ou sequer tive vergonha, ou me arrependi!!
Naquele momento eu fui LIVRE!Como não era há tempos.
Medo ainda?Sim, nossa, tá loco, mto medo ainda, mas ainda assim não me arrependo, me sinto mais leve, e faceira pq consegui dizer: SIM, EU SOU LOUCA POR TI!!

=D

segunda-feira, 9 de julho de 2007

Sim, isso, vai, segue bem assim mesmo....

¬¬

Eu juro, que n entendo pq eu deixo essas coisas acontecerem comigo
Mesmo quando eu sei que n vai ser bom
N vai ser legal...
E mesmo quando eu tenho CERTEZA de que to no lugar errado, e na hora errada, eu insisto, e empurro com a barriga!!

E deixo falaram de tudo (de mim, pra mim)
e fazerem o que quiserem (comigo/pra mim)
...
E pra que?
Por que??
Se é em vão?!
Sim, nessas ocasiões, sempre é em vão...

Momentos vazios, vagos e restritos.... dos quais eu poderia sair no momento que eu quisesse, mas NÃO!!, eu fico, continuo lá,penso, repenso, analiso, hipotetizo... e caio na minha própria armadilha..."É, talvez eu esteja errada!" "Talvez eu mereça (apenas) isso..."

Só sei que depois, de aceitar, ouvir, ver, fazer receber, sentir... coisas que eu não devia, não queria, até fugia!me sinto a última.... talvez eu seja...

É, foi assim sábado à noite: Revival!Ah, meu boteco do coração... ADOROOOO
Bandas mto boas, tocando músicas melhores ainda, e eu lá, me divertindo a beça, esperando a beça,alguém que me olhou/olhava/OLHA a beça, e que não veio comigo, A BEÇA!!
Mas a diversão tava lá, igual, de qualquer forma,antes e depois, e sim, durante também, joguei tudo no ventilador e FODA-SE!!
- Agora vai ver, vai querer e n vai ter!
E não é que foi?!
Perdi uns 10kg em menos de 30min, de tanto que me olhou... um olhar mix de "que que eu fiz?!""tu ali e eu aqui,pq?""te quero...mas..."
E um "- Tchau, né?!" assim, meio encabulado,com vergonha, e vontades, dessas boas, que vêm do coração, sinceras, e com medo, cheias de medo...
Seguido de "- Tchaaaaaaaaaaaau!!!" assim, feliz, com um abraço apertado, despretencioso, vingado,e com um riso interno enorme de "tomo?imbecil""viu só?""ninguém mandou, agora n olha..."

E a noite/início de domingo se segue.........

Um lugar diferente, novo, com pessoas novas e diferentes: Muito legal, tudo, muito divertido tudo!Tentei dormir, n deixaram... Levantei...Saí...Levei em casa, p trabalho, e voltei p lugar novo.Pouca gente.... 2 se foram,achei que eram 3.... 2 ficaram.... inusitado, meio assim não querendo, sabendo que eu ia contra eu mesma, contra meus princípios, mas NO INFERNO > ABRAÇA O CAPETA!! Só que n era o inferno, era sei lá....
E eu n quis, realmente n queria!!!EU JURO, pra mim mesma!!!
E daí escutei, tudo o que eu n precisa, que n era p mim, grosserias, voz alta, coisas na cara, que n eram p mim, eu n deveria ter escutado.E realmente eu pensei, "Levanto-me agora, mando a pqp e vou-me embora, p minha caminha!!" Mas, n foi o que eu fiz! Me enchi de raiva, lágrimas 2,4,6... algumas gotas, e eu fiquei, ali, me sentindo num post prévio, como se eu tivesse iniciando, apenas EU POR MIM MESMA!
Depois, aquilo que eu tinha certeza que aconteceria...a decepção...a raiva...a fraqueza moral...e a culpa...


É, isso, mais um boicote, mais uma deixa p um erro, 2, 3...

E mais uma vez uma Vi triste, sem necessidade, a troco de nada, absolutamente NADA!

domingo, 1 de julho de 2007

Alerta de Novo Trânsito Astrológico

"Sol na casa 1, lua na casa 8

Neste período, que vai de 01/07 a 04/07, a passagem da Lua pelo setor das crises pessoais pode significar um transbordamento de emoções e problemas que você tem tentado evitar nos últimos dias, Vitória. O Sol em trânsito pela Casa 1 lhe chama à consciência, à clareza em relação a si mesmo. A Lua neste momento pede que você não faça de conta que não existem coisas que lhe incomodam e que dê atenção a estes pontos. O Sol na 1 lhe ajuda a ver as coisas com maior clareza, e a ter a coragem de romper com hábitos, padrões, pensamentos ou pessoas que não lhe servem mais. Reflexão para o período: do que eu preciso me libertar?"


Nah,não é coincidência...
Não pode ser!
Aliás, eu não acredito em coincidências, acredito que tudo acontece por uma razão!menos o teste de fidelidade do João Kleber com o Oliver, ele que n me venha com esse papinho... humpf!!

Mas, enfim...como dizia eu, a aritmética...

Exatamente há 2 dias,mais ou menos, eu comecei a me sentir assim estranha, n sei bem pq,n besta, n é a TPM,desta vez!mas estranha mesmo, como se eu tivesse coisas por dentro que quisessem, precisacem sair, p me mostrar outra maneira de ser...
E, bem, deitei-me aí por volta da meia-noite e meia, e comecei a mentalizar essas coisas (que n sei exatamente que coisas são, mas que são coisas) que eu preciso/quero/tenho que mudar, p ser mais feliz!
E a mentalização me fez tri bem, me senti mais leve...

EU DECIDI SER FELIZ!!DE VERDADE!! \O/

Tá que depois tive uma desgraçada duma insônia que me acordou as 3 da matina e só me deixou dormir as 9h e acabou com o meu tratamento baseado em horários e tals... mas isso n vem ao caso, ela tem me visitado todos os dias essa semana, sempre entre as 3 e as 4h!!
E vai que bem bela, hj de manhã, quando acordei, as 16h - n importa a hora que eu acorde, acordei então é de manhã - fui ver meus emeius e dei de cara com o Novo Trânsito Astrológico que me dizia exatamente tudo que eu tava sentindo!!!

:O

Que coisa não?! =]








sábado, 30 de junho de 2007

Eu por mim

Não é uma fase minha!
Eu sei mto bem meu lugar
Eu sou aquela que provoca os caras, que eles todos sentem tesão, que todos comeriam até com vidro e areia!
Mas não sou aquela que levariam para casa, para mostrar à avó
Vai que o cabelo vermelho cegue a velhinha de vez?!
Ou as fivelas dos meus coturnos raspem a bela cadeira de verniz??!!
Ou a mãe fique com ciúmes do pai, e o irmão mais novo dê em cima?!
:O
Eu sou aquela que todos param para ver dançar, mas nunca param para ver quando chora
Aquela da qual todos gostam de comprar cerveja, pq: "Tem mais sabor..."
Mas nunca aquela para a qual compram um cerveja
Eu sou aquela que vários chegam e pedem da amiga, falam de todas as mulheres gostosas do mundo, e saem sem dar tchau!!
Mas não sou aquela da qual falam para as amigas
Sempre aquela que ficava em segundo ou terceiro lugar, em TUDO!!
No boteco, os caras me olham com um desejo animalesco
Pelo olhar nota-se que eles já estão me comendo ali mesmo!
Rrrrrooooooooaaaaaarrrrrrr
Mas um olhar terno, gentil, amoroso....
Esses eu pouco conheço
Sou sempre aquela de personalidade forte, ou a inteligente, a divertida...
Nunca a querida, bonita, fofa...
Mas tudo bem!
Porque eu não sou ordinária!
E ralmente, tudo bem!

TUDO BEM MESMO!!

Porque esses caras que não me vêem,são comuns!
E eu não me mostro para qualquer demente!!
Por isso eles não me enxergam, mesmo que eu caia sobre o colo deles

AINDA BEM...

Porque com certeza, eles não são o tipo de homem que eu gostaria de ter ao meu lado, nem que por um instante (a não ser que fossem mega gostosos e queridos...mas daí só por um instante mesmo!)
=]
O homem que eu quero, assim como eu, não é comum!
Não se apega a beleza como principal
Vê a beleza de outra forma, como ela deve ser vista, como um conjunto

In & Out

Ying & Yang

Não é superficial, raso, com xalalás grotescos
Aliás, com ele não tem xalalá, ele fala na cara mesmo: "Quero teu beijo!"

...

Vocês, gentinhas que falam coisas agradáveis, em momentos indesejáveis, para as pessoas erradas, com os motivos errados, e as intenções distorcidas...

AFASTEM-SE!!

Vão procurar as mocinhas de beleza EXTERNA, fáceis de agradar, que se contentam com qualquer coisa, porque só assim para se contentarem com vocês!!

Sim, eu sou exigente!
Sim, eu demando um padrão!
Não, não é chatisse, é não querer algo inferior ao que posso ter, ao que sou!
Esnobe?!
Não!!
Verdadeira!!



SEJAM VOCÊS TAMBÉM!!

sexta-feira, 22 de junho de 2007

Lhe digo: "Dorme comigo?!"
Prontamente ele mexe nas cobertas;
E o puxo para perto de mim.
De costas
Colado em meu peito
Assim dormimos.
Agarrados!
Abraçados!
De mãos dadas!
Sentindo o calor um do outro...
Eu - um bocado menos solitária
Ele - ronronando

terça-feira, 19 de junho de 2007

Dois Pólos

Oh! Noite turva

Vida escura

Sono insone, infame

Ínfimo

O dia sobe, púrpuro e adormecido

A Lua some

O céu cinza-chumbo implora clemência

Ternura, candura, brandura

Pare! Ébano soturno

Que irrompe consigo meus sonhos maternos

Internos, infernos!

Choro de regozijo

Gozo de amargura

Traga nem que em mil anos

Nem que vão

Nem que efêmero

Impensado, amor

Apenas como Platão amei

A ti, vil e doce criatura

E como a alma ilógica que sou

Morro sem viver!

Amor noturno

Soturno

Escape, destaque-se

De ilusão vivi

Obscuro prazer, obtive do choro que provoquei

Horror!! Morro jamais!

quarta-feira, 16 de maio de 2007

Porco dio!

Sim, porco dio sim!!

Por que?
Porque desgraça pouca é bobagem!!

Meu pai super doente, longe de mim, sozinho, com quase 70 anos e uma puta pneumonia.
Contas atrasadas que tive que parcelar, pq eu n trabalho.
Provas na faculdade de matérias chatas e insistentes no currículo, que eu não consigo ter vontade de estudar!
Estresse...

Estresse...

E mais estresse...

Culminando numa gastrite!!

Segunda de manhã, vou fazer a prova, de uma dessas matérias pentelhas, preciso sair no meio p vomitar.Volto e termino a prova!

À tarde, mais uma prova, me segurei p terminar sem ir ao banheiro!

Há mais de uma semana, enrolações (pseudo)amorosas, digo pseudo pq eu já n sei o que sente a pessoa por mim!


Tá, enfim, eu não sou cristã, sou pagã, e com enorme orgulho!!!!
Portanto não acredito na existência de Dizuz da maneira católica,apostólica, romanóninca e a puta da véia da esquina, acredito apenas que pode ter havido algum infeliz com o nome de Dizuz, e as árvoros somos nózes!!

CAAAUMA!


Bem, não fugindo mto do assunto, essa porra de vida azarenta que eu levo, por muitos seria descrita como: Murphy, aaaaaah, sem-vergonha, esse sim te ama, não?!

Eu já acho que a história é mais antiga, beeeeeeeem mais.

Não, não colei chicRete na mesa da santa ceia, nem preguinho na cruz, nem ri da cara dele, o que eu fiz foi extremamente pior!

Segui os passos de minha mãe Lilith e seduzi o Jésus!
Não bastando isso, eu roubei-o de Maria Madalena, trepei com ele, trai-o com Judas,ri quando este se enforcou (ou virou vampiro, nem eu sei).Para finalizar eu pendurei o espartilho,meias,cintas-liga e calcinha (que eu havia usado com Judas na noite anterior) respectivamente na cintura, preguinhos das mãos e espinho frontal de Jésus!!!


Certo que sim, só pode ser isso!
E ele e Madalena, juraram uma maldição eterna para mim, por ter arruinado com 3 vidas!!

Sim, pq na verdade Judas não se enforcou por Cristo, foi por mim, pq logo depois de dar p ele, eu fugi com as moedinhas que ele havia recebido por entregar Dizuz!!!



PHYN

terça-feira, 15 de maio de 2007

domingo, 13 de maio de 2007

O Brinquedo

Fui um brinquedo novo, que tanto desejavas, mas nunca pudeste o ter!
O tendo em tuas mãos, tiveste medo de quebrá-lo, por não o saberes usar, e mesmo tendo o manual em letras garrafais e gritantes passando num letreiro, vermelho neon, teu orgulho foi muito maior, e te recusaste a seguir as simples e fáceis instruções...

Por fim, o brinquedo, realmente quebrou!

Só que o que ninguém sabia, era que este brinquedo era especial, e não era vendido nem encontrado em lugares comuns, muito menos em lojas de conveniências, ou bares divertidos em que o povo vai para encher a cara.Era um brinquedo mágico!, capaz de estar nos lugares e horas certos e errados ao mesmo tempo;capaz de fazer coisas sensatas e insanas num piscar de olhos....
Com a habilidade de sempre ser sincero!

Coisa rara hoje em dia!!

Era também,porém, um brinquedo paradoxal, pois ao mesmo tempo que podia ser gracioso, meigo, delicado.... poderia ser maquiavélico, obscuro e divertir-se muito com isto.

Esse brinquedo, já passou por mãos rudes diversas vezes, e continua igual!




É!

Mais uma vez, não souberam brincar direito....

Olá

Buenas cá estou eu dando o pontapé inicial para o meu blog...

Espero saber transcrever tudo que penso....